Congresso “Eça de Queiroz, nos 150 anos do Canal do Suez”

image eq

A 17 de Novembro de 1869, inaugurou-se o Canal do Suez, acontecimento com as maiores repercussões na época, nas mais diversas áreas (política, económica, cultural, religiosa, etc.), e que foi também uma via de abertura no diálogo entre o Ocidente e o Oriente.
Eça de Queiroz cobriu, como jovem jornalista, esse evento, publicando uma série de textos no “Diário de Notícias”, antecipando o escritor que viria a ser, um dos maiores escritores do mundo lusófono.
Cento e cinquenta anos depois, a Revista NOVA ÁGUIA, o MIL: Movimento Internacional Lusófono e o CLEPUL: Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, em parceria com diversas Instituições, irão assinalar a efeméride, promovendo um Congresso a decorrer entre os dias 15 e 18 Novembro de 2019, na Sociedade de Geografia de Lisboa e na Biblioteca Nacional de Portugal, que irá abordar os seguinte tópicos:
– Eça de Queiroz como jornalista;
– Eça de Queiroz como escritor inspirado pelas suas viagens;
– Representações do Médio Oriente oitocentista na obra de Eça de Queiroz e na literatura portuguesa coeva;
– A importância do Canal do Suez na época;
– O Médio Oriente na altura e hoje.

Caso pretenda participar neste Congresso, deverá enviar-nos uma proposta (com título e resumo) até final de Fevereiro, para info@movimentolusofono.org

Comissão Organizadora: Renato Epifânio, Annabela Rita, Octávio dos Santos, Pedro Correia e Rui Lopo

Para mais informações: https://queiroz150suez.blogspot.com/

Anúncios

Os comentários estão fechados.